“Vi meu amigo sendo arremessado”, diz amigo de ciclista atropelado

O amigo que pedalava com o ciclista Demerval de Oliveira Santos Filho, o Dermê, de 46 anos, na Rodovia Anhanguera, disse ao SP1 que só percebeu que o colega tinha sido atropelado quando ouviu um barulho e viu o ciclista passar à sua frente.

“Vi meu amigo sendo arremessado”, disse Vander Cortes Ribeiro durante o velório de Dermê, na manhã desta segunda-feira (22). O corpo do ciclista foi enterrado no Cemitério da Vila Formosa, na Zona Leste de São Paulo. A polícia procura o motorista do veículo que atropelou o ciclista e não parou para socorrer. “Poderia pelo menos ter parado para ele mostrar que é gente”, reclama Vander.

Deverval na bike.png

O acidente aconteceu na manhã de domingo (21) quando os ciclistas treinavam para uma prova que seria no próximo fim de semana. Um carro Fiat Palio branco desgovernado invadiu o acostamento na altura do km 18 da Anhanguera, sentido interior, e acertou a bicicleta de Dermê. Ele foi arremessado e caiu à frente do amigo Vander. O motorista fugiu. O capacete que o ciclista usava ficou totalmente destruído.

Deverval capacete.png

A Polícia Civil, que investiga a morte, está atrás das imagens das câmeras de pedágio da rodovia, que fica a 7 km do local do acidente, para tentar descobrir quem matou o ciclista. A concessionária que administra a rodovia já cedeu imagens mas, com elas não foi possível identificar a placa do veículo.

Deverval.png

A polícia suspeita que o motorista possa ter dormido no volante.

“Há câmeras que viram e que presenciaram o acidente, existem câmeras nos pedágios, e a gente espera que essa pessoa seja encontrada, esse senhor, essa senhora seja encontrada e que responda pelo que aconteceu’, diz um amigo do ciclista.

No velório, uma roupa que Dermê usava para treinar foi colocada sobre o caixão.

Com informações do G1

3 comentários em ““Vi meu amigo sendo arremessado”, diz amigo de ciclista atropelado”

  1. Quanto falta para que motoristas respeitem os ciclistas, confesso que as vezes tenho medo , pedalo todos dias , já tiraram muitos finos de mim, mas por instinto ou milagres vou me livrando ao sair de casa eu rezo .Boa sorte a todos.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.