Tocantins e Bahia são destaques na abertura da Copa Norte e Nordeste de Ciclismo

A Copa Norte e Nordeste de Ciclismo de Estrada começou na tarde desta sexta-feira, 17 de agosto, e já apresentou disputas repletas de rivalidade e muito talento em todas as categorias. As provas de contrarrelógio individual começaram as 14h e coroou os primeiro medalhistas da 41ª edição da competição, que está sendo realizada em Palmas, no Tocantins.

Após o congresso técnico, realizado no período da manhã, onde ficou decidido através de votação que a sede para a Copa Norte e Nordeste 2019 será em Sergipe, as delegações seguiram para as primeiras largadas debaixo de muito sol e vento forte, que acabou surpreendendo os competidores.

Na categoria Elite masculina, o ciclista Vitor Andrade Ferreira, da Seleção Baiana, surpreendeu os principais favoritos e conquistou a medalha de ouro por pouco mais de três segundos. A prata ficou com Alex Fábio, da Seleção Amapaense, seguido por Daniel Souza dos Santos, também da Seleção Amapaense, com o bronze.

“O percurso foi muito técnico, difícil, mas já venho treinando contrarrelógio a vários meses para conseguir fazer uma boa prova. Chegando aqui acabei me adaptando rápido ao clima, até porque na minha cidade também é bastante calor, e o que mais dificultou foi o vento contra que estava muito forte na segunda metade da prova. A tática foi colocar força do início ao fim, não tem segredo. Aqui na seleção baiana todos estão confiantes para os próximos dois dias e o nosso objetivo e brigar pela vitória geral”, declarou Vitor.

Entre as mulheres da categoria Elite, Patrícia Figueira, da Seleção Tocantinense, imprimiu um forte ritmo do início ao fim e garantiu a medalha de ouro. Cristiane Duque, da Seleção Baiana, terminou com a medalha de prata, e Karine Frota, da Seleção do Piauí, ficou com o bronze.

“Como eu estou feliz, quase não acreditei quando recebi o resultado. É Deus mesmo na minha vida, sempre. Essa foi uma prova de superação, as últimas semanas foram bastante difíceis, tive que enfrentar alguns problemas pessoais, mas jamais pensei em desistir dos meus objetivos”, destacou Patrícia.

Nas categorias de base, um dos principais destaques foi o jovem atleta Vinicius Rafael, da Seleção Alagoana, que venceu na categoria Infantojuvenil e conquistou a sua primeira medalha em copas.

Tocantins e Bahia são destaques na abertura da Copa Norte e Nordeste de Ciclismo1.jpg

“Fui o primeiro atleta da categoria a largar, então estava muito ansioso, principalmente por essa ser a minha primeira copa. Durante o percurso fui me sentindo bem e terminei muito feliz com a vitória. Esse é meu primeiro ano competindo no ciclismo e já chegar em uma competição desse nível vencendo é bastante gratificante”, comentou Vinicius.

Teruo Jeiel Noguchi, da seleção baiana, conquistou a medalha de prata, enquanto William Santos Pantoja, da Seleção Paraense, ficou com o bronze.

Depois do primeiro dia de competição, a Seleção Tocantinense comanda a classificação geral com 229 pontos acumulados. Os baianos aparecem em segundo lugar com 206 pontos, seguidos pelos paraenses com 134 pontos.

A Copa Norte e Nordeste de Ciclismo de Estrada 2018 é uma organização e realização da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) e Federação Tocantinense de Ciclismo (FTC), com apoio da Prefeitura Municipal de Palmas, SESI e SESC.

Classificação geral da prova de contrarrelógio e quadro de medalhas:

– Resultados
– Quadro de medalhas

Programação 

17/08 (Sexta-feira) 
09h – Abertura oficial do evento e congresso técnico
14h – Prova de contrarrelógio individual (CRI)
18/08 (Sábado)
08h – Prova de resistência
13h – Premiação (CRI e Resistência)
19/08 (Domingo) 
08h – Prova de Circuito
12h – Premiação da prova de circuito e geral
12h30 – Encerramento

Conheça os últimos campeões por estado:
2017 – Pará
2016 – Pará
2015 – Bahia
2014 – Pará
2013 – Ceará

Com informações de CBC

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.