Guilherme Muller é campeão do XCO Internacional Estrada Real em Itabirito (MG)

Os ciclistas de mountain bike do Shimano Sports Team mais uma vez foram destaque no esporte nacional. Em Itabirito (MG), o mineiro Guilherme Muller (Sense Factory Racing) foi o campeão do XCO Internacional Estrada Real, prova na qual o suíço naturalizado brasileiro, Lukas Kaufmann (Cannondale Brasil Racing), conquistou o título da temporada. Em Urubici (SC), a vitória no Brasil Enduro Series foi do catarinense Lucas Borba (Manoel Marchetti/Shimano/Maxxis).

Guilherme Muller garantiu o título na super elite do XCO Internacional Estrada Real após superar seu companheiro de equipe Rubinho Valeriano (Sense Factory Racing), vice-campeão. Ainda no top 5 estiveram Sherman Trezza (Cannondale Brasil Racing) e Lukas Kaufmann, em terceiro e quinto lugares, respetivamente. Wolfgang Soares e Edson Rezende (ambos Caloi Avancini Team) foram sexto e sétimo colocados. Pedro Lage (Caloi Avancini Team) foi o 16º colocado.

Guilherme Muller seguido de perto por Rubinho Valeriano (Thiago Lemos  Divulgação).jpg

Guilherme Muller não escondeu a felicidade pela vitória. “Muito feliz pelo resultado e por somar importantes pontos (30) nos rankings mundial e olímpico, nesta prova que teve classificação C2 na UCI (União Ciclística Internacional). Agora embarco para a Suíça com motivação de sobra para competir no Mundial de Cross Country Olímpico, no próximo fim de semana”, comemorou Muller. Para Lukas Kaufmann, a alegria foi pelo título da temporada. “Com a quinta colocação garanti o título do evento em 2018. Agradeço a todos pela torcida”, disse Kaufmann.

Lukas Kaufmann na Estrada Real (Claudio Capella Fotografia).jpg

Em Itabirito estiveram em ação também os Blue Angels, ou Anjos Azuis, técnicos da marca responsáveis pelo Suporte Neutro da Shimano, apoio técnico aos inscritos na prova, independente da marca da bicicleta, componentes e patrocinadores. Pela primeira vez, o Suporte Neutro Shimano contou com uma técnica mecânica, Tássia Fernandes. O serviço, presente nas principais competições do País, é feito, a partir deste ano, em parceria com a Blue Cycle Distribuidora (Distribuidor exclusivo da Shimano no Brasil).

Brasil Enduro Series – Um dos atletas mais vitoriosos do downhill nacional em 2018, Lucas Borba garantiu mais um triunfo na temporada. Neste domingo (2), em Urubici, o piloto foi o mais rápido na somatória dos estágios cronometrados do Brasil Enduro Series, principal competição do gênero no País. Seu tempo total foi de 12min39, contra 12min50 do vice-campeão André Bretas. Wallace Miranda foi o terceiro colocado, seguido de Thiago Velardi e Lucas Bertol, que completaram o pódio da pro, a elite masculina.

Lucas Borba no Brasil Enduro Series (Rodrigo Philipps  BES).jpg

“Tivemos chuva no final de semana inteiro, o que dificultou bastante a disputa e deixou tudo mais desgastante. Havia muita lama e os deslocamentos ficaram bem mais pesados, com as subidas longas da região de Urubici. Foram dias incríveis, com pistas bem legais e parecidas com o downhill, o que foi um diferencial para mim. Me senti confortável e pude me divertir, o que foi o ponto principal para conseguir a vitória, superando o André Bretas, que há três anos compete todas as provas do circuito internacional de enduro, o Enduro World Series,”, relatou Lukinha, como é conhecido.

Big Biker – Luis Eduardo Ferreira (Squadra Oggi) representou o Shimano Sports Team na quarta de cinco etapas do ano do Big Biker nesta temporada. A disputa foi em Santo Antônio do Pinhal e contou com cerca de 55 km para os atletas da agile pro. Du Marcondes, como é conhecido, finalizou em terceiro lugar na máster A, em 3h01min11. O campeão de sua categoria foi o ciclista Glauber da Cunha, seguido de Marcos Paulo Correia.

Luiz Eduardo Ferreira no Big Biker (Divulgação).jpg

Novidades Shimano – Em 2018, a Shimano fez o lançamento do tradicional grupo de ciclismo de estrada 105 R7000, totalmente remodelado: são novas tecnologias herdadas do Dura-Ace, alavancas de STI adequadas para mãos menores (de mulheres por exemplo) e freio a disco hidráulico – finalmente regulamentado pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC). Vale destacar que o ciclismo de estrada é uma modalidade bastante praticada por atletas de MTB, como complemento aos treinos.

Também neste ano, a marca lançou o XTR M9100 e atendeu o pedido dos fãs com a configuração de 12 velocidades, trazendo muitas outras inovações. O grupo apresenta um cassete totalmente inovador com pinhões de amplo alcance de 10-45D ou 10-51D, freios com 2 ou 4 pistões, e um novo cubo com a nova tecnologia Shimano Micro Spline. Um novo projeto de configuração de freios e alavancas, que permite ao ciclista posicionar seus comandos, incluindo a alavanca de canote retrátil de selim “dropper post” XTR, em uma situação otimizada para máximo conforto e acionamento rápido.

Com informações de ZDL Sports

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.