Brasileiro de Paraciclismo começa em alta velocidade na prova de Contrarrelógio

O Campeonato Brasileiro de Paraciclismo de Estrada começou em alta velocidade nesta sexta-feira, 24 de novembro, com a disputa da prova de contrarrelógio individual (CRI). Ao todo, dezenove categorias conheceram os campeões nacionais.

Na categoria MC2, uma das mais disputadas do campeonato, Victor Luise Herlin garantiu a vitória sobre Paulo Roberto Galvão, segundo colocado, e Kaio Giovanni de Oliveira, em terceiro.

Brasileiro de Paraciclismo Crédito Divulgação (1).jpg
Brasileiro de Paraciclismo
Crédito: Divulgação

Entre as disputas da Handbike, os atletas da categoria MH3 fizeram bonito. Eduardo Ramos Pimenta conquistou o título nacional, enquanto Maurício Soares Dourando finalizou na segunda colocação e Eliziário dos Santos completou o pódio em terceiro.

Os atletas paralímpicos Lauro Chaman, da categoria MC5, e Jady Malavazzi, da WH3, também comemoraram a vitória em suas respectivas categorias. O campeonato segue neste domingo, 25 de novembro, com as provas de resistência.

Brasileiro de Paraciclismo Crédito Divulgação (5).jpg
Brasileiro de Paraciclismo
Crédito: Divulgação

O Campeonato Brasileiro de Paraciclismo de Estrada é uma realização e organização da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), e conta com o apoio do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), Ministério do Esporte, Prefeitura Municipal de São Carlos e Federação Paulista de Ciclismo (FPC).

Classificações completas
Prova contrarrelógio: [Resultados]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.