Circuito TRIDAY Series 2019: empolgação e técnica na etapa carioca

O Circuito TRIDAY Series teve sua terceira etapa da temporada neste domingo. Com a participação de 550 atletas, a Praia do Pontal, no Recreio dos Bandeirantes, Rio de Janeiro, recebeu mais uma vez a competição criada pela Unlimited Sports para movimentar e impulsionar do triatlo no país. E, como aconteceu nos dois últimos anos, a prova foi marcada pela empolgação e grande técnica dos competidores em suas duas distâncias, Sprint (750m de natação, 20km de ciclismo e 5km de corrida) e Olímpico (1.5 km/40km/10km).

O domingo de Dia das Mães, com muito sol e temperatura elevada, deixou o Circuito TRIDAY Series ainda mais  emocionante e bonito. Valendo como segunda etapa do Brasileiro de Triathlon  Sprint e Paratriathlon, a disputa reuniu os melhores nomes de triatlo do Rio de Janeiro, de todas as idades, e de outras cidades, todos em busca dos pontos no ranking. Mas três etapas do Circuito TRIDAY Series compõem o campeonato: Florianópolis (18/08), USP (25/08) e Brasília (08/09).

Circuito TRIDAY Series 2019 (Fábio FalconiUnlimited Sports) (2)
Circuito TRIDAY Series 2019 
(Fábio Falconi, Unlimited Sports)

A Sprint ainda confirmou a boa fase do mais antigo triatleta em atividade no país. José Alvacir Campos, d 75 anos, que esteve nas primeiras provas da modalidade no país, nos anos 1980, venceu sua categoria, com o tempo de 1h45min17seg, seguido por Sidney Gomes,  com 1h52min06seg.

Destaque também para a participação de jovens dos projetos sociais e de inclusão, como o Instituto Fernanda Keller, o Projeto Monike Azevedo, a Talentos do Capão e a Escolinha de Triathlon ADTRISC.

Na Olímpico, os mais rápidos foram Peter Pichnoff (M3539) e Fernanda Grossi (F2529). Peter  completou a prova com o tempo de 2h01min15seg, enquanto Fernanda marcou 2h23mi10seg.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.