Vuelta a Espanha 2020 terá menos etapas e largada será no País Basco

vuelta

A Vuelta a Espana deste ano não começará na Holanda como planejado por causa da crise do coronavírus, mas assim no País Basco e será reduzida de 21 para 18 etapas.

A corrida deveria começar em Utrecht em 14 de agosto. Mas a União Internacional de Ciclismo (UCI) suspendeu as competições até 1º de agosto e disse que o Tour de France, inicialmente a ser realizado em julho, havia sido adiada para 29 de agosto a 20 de setembro.

Esta decisão não deixou espaço para a Vuelta nas datas programadas. Dessa maneira a UCI deve divulgar um calendário revisado na próxima semana.

“O La Vuelta 20 não começará da Holanda”, disseram os organizadores. “Devido à situação excepcional causada pela crise do COVID-19, o comitê organizador foi forçado a cancelar a partida oficial da corrida das regiões holandesas de Utrecht e Brabante do Norte.”

O início de 2021 já foi definido, será em Burgos, no norte da Espanha. Os organizadores disseram que esperam começar a corrida de 2022 na Holanda.

Martin van Hulsteijn, diretor do comitê organizador da “La Vuelta Holanda”, disse que o início posterior da corrida apresentava obstáculos que não podiam ser superados.

“A mudança de três etapas, em três dias, através de 34 municípios com locais de início e fim em vários lugares, acabou sendo uma ponte longe demais”, afirmou ele na declaração da Vuelta.

Desta forma, a grande volta terá agora 18 etapas e a saída será no País Basco.

A Vuelta, que completou 85 anos de história nesta quarta-feira dia 29, seria disputada inicialmente entre os dias 18 de agosto e 6 de setembro.

Além disso você também pode se interessar:
Medida acertada

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.