3ª etapa do Enduro World Series é desafio de André Bretas na Ilha da Madeira

A temporada do Enduro World Series (EWS), o principal evento do Enduro MTB do mundo, começa nesta semana para o piloto André Bretas, integrante da equipe Specialized Racing BR. Na Ilha da Madeira, em Portugal, Bretas disputa a terceira de oito etapas da competição em 2019. A programação tem treinos nesta quinta e sexta (9 e 10), enquanto a cronometragem dos oito estágios acontece no sábado e domingo (11 e 12).

Bretas chegou a Portugal no início da semana e teve dois dias para ter contato com as pistas, porém podendo apenas caminhar nelas. Nesta quinta-feira, será a vez de treinar nos estágios 1, 2 e 3. Já na sexta-feira, os estágios de 4 a 8 serão abertos para treinamento. Sábado e domingo repete-se a mesma ordem, porém aí a corrida será para valer, com a cronometragem oficial da etapa portuguesa do EWS.

Andre Bretas no Chile (Jonatha Jünge Divulgação)
Andre Bretas no Chile (Jonatha Jünge – Divulgação)

“Apesar de ter desembarcado em Portugal há poucos dias, já estou super adaptado. As condições climáticas prometem estar excelentes para a prática do esporte. Fiz bastante caminhada nas trilhas para reconhecer o máximo possível o traçado, já que ainda não pudemos pedalar nelas. Só de não estar chovendo, como foi na minha última vez aqui, já é algo muito bom. O terreno está mais seco e isso será bom também, apesar de eu andar bem com chuva, quando está molhado aqui é realmente escorregadio”, comenta Bretas.

“A etapa da Ilha da Madeira é sem dúvida uma das mais fantásticas do circuito, por possuir trilhas espetaculares e um visual alucinante. Está entre os lugares mais bonitos para andar de mountain bike no mundo. Poder falar português me faz sentir-me em casa, algo completamente atípico para mim no EWS, onde costumo viajar para vários países. Este é o único lugar em que tenho a possibilidade de competir no Circuito Mundial e conversar na minha língua nativa com todos, então isso ajuda também”, complementa o ciclista de Governador Valadares.

André Bretas em Nova Lima (Ney Evangelista NG Fotos)
André Bretas em Nova Lima (Ney Evangelista – NG Fotos)

Mais uma vez, a S-Works Stumpjumper 29 LT (Long Travel) foi a mountain bike escolhida por Bretas para competir em sua terceira prova na temporada. Em 2019, o ciclista já esteve em ação no Chile, na desafiadora Andes Pacífico, disputa que cruza o País sul-americano desde as Cordilheiras até o Oceano, e em Nova Lima (MG), na abertura da Sense Enduro Cup, competição vencida pelo atleta, e que tem ainda mais duas etapas em 2019.

“Nesta quarta-feira (8) levei minha bike para ser equipada com os novos amortecedores Öhlins, que estão para ser lançados em breve, em sua versão 2020. Vou ter oportunidade de treinar e competir com esse kit de amortecedor. Acredito que a Stumpjumper foi uma boa escolha e devo ter certeza disso após os dois dias de treinamentos. A bike está pronta, eu também estou bem preparado e agora é a hora de darmos a largada em mais uma temporada no Enduro World Series”, finalizou.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.