Bike Arte promove cursos gratuitos para 100 moradores em São Miguel Paulista

O Projeto Bike Arte Gira do Instituto Aromeiazero abriu 100 vagas para quatro formações educacionais/técnicas/artísticas para a população de São Miguel Paulista, Zona Leste de São Paulo. São quatro oficinas que serão conduzidas por pessoas da região nas temáticas, grafite/estêncil, serigrafia/lambe-lambe, mecânica/cicloturismo e produção cultural/cicloativismo.

A participação é gratuita e as aulas ocorrem de 1 a 8 de novembro. Cada oficina terá duração de 20 horas cada e todas elas serão realizadas no bairro. A última aula vai acontecer durante o Festival Bike Arte Gira, que acontece no sábado, 9 de novembro, na Rua Serra da Juruoca, em uma ação especial que poderá ser acompanhada pelo público, entre outras atrações artísticas, culturais e esportivas que estimulam a cultura da bicicleta e o poder que ela tem para gerar renda, saúde e sociabilidade dentro da comunidade.

bike-arte-promove-cursos-gratuitos-para-100-moradores-em-sao-miguel-paulista (2).jpg

As quatro oficinas foram escolhidas pelo público em um processo de curadoria popular online. Foram mais de 40 propostas de oficineiros e oficineiras inscritas e mais de 500 pessoas participaram da votação.

Inscrições de 24/10 (a partir das 13 horas) a 2/11 no formulário eletrônico http://bit.ly/bikeartegiraoficinas.

Sinopse das Oficinas

Serigrafia e Lambe-lambe 
Lambike  – Com Sabrina Lopes

A oficina vai apresentar técnicas de serigrafia e colagem, escrita criativa e artes visuais voltadas à produção de cartazes de modo a estimular participantes a refletir sobre a vida no bairro onde moram. Ao fim das 20 horas de aulas práticas e teóricas, espera-se que o público tenha um novo olhar que leve à maior preservação do meio ambiente, à prática regular de exercícios físicos a partir do uso da bicicleta e ainda estimule um maior protagonismo social.

Produção cultural e Cicloativismo
Pedale-se: Uma oficina sobre comunicação popular e mobilidade – Com  Rogério dos Santos Raimundo

A oficina vai utilizar técnicas de contação de histórias e comunicação popular para promover, estimular e resgatar a oralidade com o fim de estimular o diálogo e a percepção sobre a rotina da mobilidade e o uso da bicicleta por pessoas de todas as idades e em territórios diversos. Os participantes irão desenvolver um material de comunicação que permitirá ao grupo estender para a comunidade as investigações e experimentações iniciadas durante a formação em sala de aula.

Grafite e Estêncil
Oficina de Arte Urbana – A Arte inclusiva – Com  Mari Oliveira  

A oficina vai apresentar os conceitos, técnicas e estéticas de grafite e estêncil aplicadas à arte urbana e sua aplicação em espaços públicos de modo a aproximar a população da realidade contemporânea. O curso também incentivará o conhecimento das diferentes manifestações e questões sociais, a expansão da bagagem cultural, o desenvolvimento do potencial criativo e ainda desenvolverá habilidades em desenho, pintura e expressão artística.

Mecânica e Cicloturismo
Cicloturismo e manutenção de bicicleta – Com Wilder Rodrigues Costa

Nesta oficina, os participantes saberão como se planejar para utilizar a bicicleta no cicloturismo de forma eficiente e segura. Haverá instrução e prática em manutenção mecânica com a apresentação dos componentes e acessórios mais utilizados e técnicas para reparo de freios, câmbios, correntes e pneus. O conteúdo também apresentará uma breve história da bicicleta e os diferentes usos dela na cidade ou na estrada, bem como abordará conceitos de segurança viária.

bike-arte-promove-cursos-gratuitos-para-100-moradores-em-sao-miguel-paulista (1).jpg

O projeto Bike Arte Gira

O Bike Arte Gira é projeto voltado para populações menos favorecidas com intuito de fomentar a arte e promover o direito à cidade e mobilidade urbana. É composto por oficinas de formação educacional, cultural e artística e um  festival gratuito, a céu aberto, onde o espaço público é ocupado com atividades e manifestações heterogêneas com a temática da bicicleta e produzidas por artistas da própria comunidade.

Ele é habilitado pelo Pro-Mac, Programa Municipal de Apoio a Projetos Culturais da Prefeitura de São Paulo, e é patrocinado integralmente pela UBER. Além de Heliópolis, haverá edições em outras quatro regiões periféricas da Capital ao longo de 2019 e 2020.

São Miguel Paulista é a segunda parada do projeto, que totaliza cinco edições. A primeira ocorreu em Heliópolis, Zona Sul. Haverá mais três em 2020, no Centro e zonas Norte e Oeste. Para mais informações siga as redes do Bike Arte no Facebook Instagram.

Sobre o Aromeiazero

Organização sem fins lucrativos que promove a bicicleta como instrumento de transformação social, cultural e pessoal, estimulando a diversidade e a colaboração. A missão é promover uma visão integral da bicicleta, não só como transporte, mas também como  expressão artística, oportunidade de renda, lazer, esporte e também como ferramenta de mudança no modo de vida e humanizando as relações nos centros urbanos.

bike-arte-promove-cursos-gratuitos-para-100-moradores-em-sao-miguel-paulista (3)

Você também pode se interessar:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.