Henrique Avancini volta às origens e compete em Petrópolis (RJ)

Após uma temporada fantástica em 2018, quando conquistou um título mundial e alcançou diversos recordes para o ciclismo brasileiro, Henrique Avancini já trilha seu caminho em 2019. Depois de vencer duas provas na África do Sul nesse início de temporada, o maior expoente do ciclismo nacional disputará sua primeira competição no País esse ano, a 1ª etapa da Copa Internacional Michelin de Mountain Bike – prova que será realizada entre os dias 09 e 10 de março.

Voltar a competir no País trará diversas emoções ao atleta. A Copa Internacional será em Petrópolis, sua cidade natal. A pista, que será reinaugurada nesse próximo sábado, dia 02, levará seu nome. Por último, Henrique pilotará juntamente com ciclistas da Caloi Avancini Team, projeto elaborado há cinco anos pelo atleta que tem como objetivo desenvolver o mountain bike no Brasil trabalhando com atletas promissores.

“É muita satisfação ter um evento desse tamanho dentro da minha cidade. É também muito especial essa homenagem que vou receber quando a pista levará o meu nome. Fico muito feliz com isso tudo que está acontecendo. Poder dar um pouco de volta ao esporte e continuar recebendo cada vez mais carinho e reconhecimento. Não vejo a hora de competir em Petrópolis”, comenta o atleta, que compete pela Cannondale Factory Racing, equipe que ficou com o título da Copa do Mundo de MTB do ano passado.

Equipe Cannondale Factory Racing usará roupas e sapatilhas Shimano S-PHYRE (4)
Henrique Avancini – Foto divulgação Cannondale

No próximo dia 30, Henrique completará 30 anos, sendo mais de 20 dedicadas ao ciclismo. História no esporte e de vida que ele nunca separa de Petrópolis.

“Essa prova é importante primeiro porque é uma região onde pedalo desde os meus oito anos de idade. Praticamente todo o tempo que tenho de bicicleta está vinculado a Petrópolis. Além disso, é uma região que sofreu bastante com uma tragédia natural, em 2011, e as pessoas se recuperaram e conseguiram reaver a autoestima. Hoje é um local que vem se desenvolvendo como um polo do mountain bike. São muitas trilhas e essa pista, se não for a melhor, é uma das melhores para competir no Brasil. Eu estou realmente muito feliz de compartilhar esse momento com a minha cidade”, explica Avancini, que também é atleta Shimano.

Depois de competir em Petrópolis, Avancini viajará para a África do Sul, onde terminará seu treinamento para a disputa da Cape Epic, prova de ultramaratona de mountain bike mais desejada do mundo que será disputada entre os dias 17 e 24 de março. Henrique formará dupla mais uma vez com o alemão Manuel Fumic no sonho de conquistar a competição pela primeira vez. Ano passado os atletas terminaram a Cape Epic na 3ª posição e, em 2017, na 5ª colocação.

Henrique Avancini
Henrique Avancini – Foto divulgação Cannondale

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.