Campeões da Super Elite recebem troféus com réplicas de profetas

trofeu-cimtb-congonhas-sao-replicas-de-profetas
Jonas e Abdias estampam o troféu que tem trabalho de madeira do artesão Flaviano Carvalho. Decisão da Super Elite é no sábado.

A última etapa da CIMTB Michelin se encerra em Congonhas. O evento que acontece entre os dias 16 e 18 de agosto reúne os principais atletas de mountain bike do Brasil. Serão quase 30 vencedores da temporada, um de cada categoria. Os grandes campeões são da Super Elite na etapa, que levam para casa da CIMTB Congonhas um troféu com duas réplicas dos profetas Abdias e Jonas. O prêmio é uma homenagem aos doze profetas esculpidos por Aleijadinho na Basílica de Bom Jesus de Matozinhos.

A Super Elite larga no sábado (17) às 13h na CIMTB Congonhas. Os grandes campeões receberão os troféus na premiação da etapa, logo após a prova. Na Super Elite Feminina, a briga está entre Jaqueline Mourão (Sense Factory Racing) e Letícia Cândido (Corinthians Audax Bike Team). No masculino, os favoritos são Rubens Donizete Valeriano (Sense Factory Racing), Luiz Henrique Cocuzzi (Scott / Lar) e Guilherme Muller (Cannondale Brasil Racing).

Os troféus que os campeões irão receber é um trabalho artesanal, na madeira, produzido pelo artesão e também biker, Flaviano de Carvalho. Ele contou que estar envolvido no meio da bicicleta, faz desse trabalho algo especial. “Procurei transmitir todo amor que eu tenho pela bicicleta e todas as coisas que ela proporciona para este trabalho”, afirmou. “Feito em madeira, dando destaque à logo da CIMTB Michelin. E este trabalho é uma forma de parabenizar os campeões da Elite Feminina e Masculina por ocupar o lugar mais alto do pódio da CIMTB Congonhas”, finalizou.

cenario-da-cimtb-michelin-ira-se-definir-na-etapa-de-congonhas (2)
Foto: Thiago Lemos / CIMTB Michelin
Profetas Abdias

*Informações Secretaria de Turismo de Congonhas
Abdias, “servo do Senhor” segundo a etimologia de seu nome, ocupa o ponto inferior do conjunto dos 12 profetas no Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, no adro que une os muros dianteiro e lateral esquerdo do templo. É o autor do mais curto livro profético do Antigo Testamento, dirigido aos indumeus, povo ameaçado de ruína e destruição por ter cometido atos de violência contra os habitantes da Judéia.

À mão esquerda, Abdias traz inscrição que sintetiza o livro: “Eu vos arguo, indumeus e gentios. Anuncio-vos e vos prevejo pranto e destruição”.

A fisionomia de Abdias é de um jovem, assim como a dos profetas Baruc, Daniel e Amós, mas com proporções mais esbeltas. Ele veste túnica e manto como os apóstolos da Santa Ceia, complementados apenas por um gorro simples.

Esta estátua pode ser analisada comparativamente à de Habacuc, que ocupa posição equivalente no extremo oposto do adro. Exercendo visualmente a função de baluartes, Abdias e Habacuc apresentam simetria nos braços levantados para o alto e mesmo tipo de roupagem, resultado bem-sucedido do projeto iconográfico da posição e expressão dos profetas no santuário idealizado pelo escultor e arquiteto Antônio Francisco Lisboa, Aleijadinho.

Profetas Jonas

*Informações Secretaria de Turismo de Congonhas
A imagem do profeta Jonas fica no ponto de encontro dos muros que formam o parapeito de entrada do adro, à esquerda do Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, em Congonhas (MG), ocupando posição simétrica à de Joel. Para o mais popular dos profetas menores, o escultor e arquiteto Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho, reservou lugar de destaque, junto a Daniel.

A recusa de Jonas a Javé e o episódio do castigo sob a forma de permanência no ventre da baleia sempre exerceram forte poder de atração sobre os artistas de todas as épocas. Jonas e Daniel não apenas estão lado a lado em Congonhas como também se destacam dos demais por serem os únicos a apresentar atributos iconográficos específicos. Daniel tem a seus pés um leão, enquanto Jonas traz consigo um animal marinho.

O profeta sustenta na mão direita uma inscrição, na qual se pode ler: “Engolido por uma baleia, permaneço três dias e três noites no ventre do peixe; depois venho a Nínive”.

A estátua de Jonas repete o padrão iconográfico usado para as imagens de Jeremias, Ezequiel, Oséias e Joel. Seu vestuário se constitui numa espécie de batina, com colarinho, abotoada até a cintura, onde é presa com uma faixa. O profeta traz também um manto jogado sobre o ombro esquerdo e o habitual turbante com abas retorcidas.

Nesta peça, surgem dois aspectos essenciais da obra de Aleijadinho: a capacidade de expressão dramática que caracteriza a visão frontal da estátua e o ornamento visível na parte posterior, onde a silhueta da baleia, com cauda e barbatanas, parece emergir de um chafariz rococó.

trofeu-cimtb-congonhas-sao-replicas-de-profetas
Foto: CIMTB Michelin
Michelin

A Michelin, líder do segmento de pneus, se dedica ao desenvolvimento da mobilidade de seus clientes, de forma sustentável, criando e distribuindo os pneus, serviços e soluções mais adequados às suas necessidades; fornecendo serviços digitais, mapas e guias, para ajudá-los tonar suas viagens experiências únicas; e desenvolvendo materiais de alta tecnologia, que atendem à indústria da mobilidade. Sediada em Clermont-Ferrand (França), a Michelin está presente em 170 países, emprega 114.100 pessoas em todo o mundo e dispõe de 70 centros de produção implantados em 17 países diferentes que fabricaram 190 milhões de pneus em 2017.

Sense Bike

Parte da Lagoa Participações, a Sense Bike foi criada em 2009, com o sonho de construir uma marca de bicicletas feita por apaixonados para apaixonados, com padrão internacional, foco em desenvolvimento e indústria de ponta. Com o objetivo inicial de atender às demandas voltadas para a mobilidade urbana, tornou-se referência no mercado no desenvolvimento de bicicletas elétricas. Em 2014, foi inaugurada a fábrica em Manaus, que possibilitou o início da produção de quadros, bem como a montagem de bicicletas elétricas e convencionais (mountain bike, urbana e road), com o que existe de mais inovador em tecnologia. Em abril de 2018, a Sense Bike comprou a Swift Carbon Global, importante fabricante mundial de bikes em fibra de carbono, com operação industrial na cidade do Porto (Portugal). A marca também é patrocinadora de uma das equipes mais importantes do MTB nacional – a Sense Factory Racing, que já conquistou grandes títulos em competições nacionais e internacionais.

Congonhas

Reconhecida como Patrimônio Mundial pela UNESCO, Congonhas é uma das mais tradicionais cidades mineiras e um dos polos de formação cultural de Minas Gerais. Seu complexo mais famoso é o Santuário do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, considerado a maior referência do acervo de Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho.

Localizada a 78 km de Belo Horizonte, a Cidade dos Profetas também possui um valioso circuito de igrejas coloniais e um rico patrimônio ambiental, com o Parque Ecológico da Cachoeira. Além disso, se destaca pelo primeiro museu de sítio do Brasil, o Museu de Congonhas

CIMTB Michelin 2019

A CIMTB Michelin conta pontos para o ranking mundial, da União Ciclística Internacional (UCI), fazendo parte do ciclo Olímpico Tóquio 2020, ranking Brasileiro e estaduais. Copa Internacional de Mountain Bike comemora a 24ª Edição em 2019. O evento tem patrocínio da Michelin, o pneu oficial da competição, e Co-Patrocinio da Sense Bike.

Mais informações no site

Leia a notícia anterior da CIMTB Congonhas