Strava retorna com a conectividade de frequência cardíaca Bluetooth

strava

Aproximadamente um ano atrás, o Strava removeu a capacidade de usar sensores externos Bluetooth e ANT + em seu aplicativo de telefone. Hoje, a Strava anunciou que o suporte Bluetooth para medição de frequência cardíaca externa está de volta e, o melhor de tudo, está disponível para assinantes pagos, mas também para usuários gratuitos.

Antes de remover a compatibilidade, Strava informou que o recurso estava causando problemas de estabilidade do aplicativo. Algo que, de acordo com um porta-voz da empresa, já foi resolvido.

“Havia um código legado que suportava nosso antigo emparelhamento direto com dispositivos BLE / ANT + que causou o travamento do aplicativo para milhões de atletas”, assim disse o porta-voz. “Para oferecer suporte confiável ao emparelhamento BLE, tivemos que remover o recurso para corrigir os problemas subjacentes.”

O Retorno

Assim o retorno desse recurso permite que aqueles que usam um sensor de frequência cardíaca Bluetooth se conectem diretamente ao telefone por meio do aplicativo Strava e vejam os dados em tempo real. Strava não fez nenhuma menção sobre se ele retornará conectividade ANT+.

Todos os usuários poderão visualizar informações de frequência cardíaca em tempo real no aplicativo e analisar os esforços pós-treino. Os assinantes pagos terão acesso a métricas de frequência cardíaca mais detalhadas.

Claro que o novo recurso está atualmente limitado à frequência cardíaca, no entanto, outras opções de conectividade podem vir a seguir.

“Nosso plano é primeiro implantar monitores de frequência cardíaca com emparelhamento BLE para garantir que funcione como pretendido antes de olharmos para a expansão para medidores de potência / cadência”, disse o porta-voz da Strava. “Não temos um cronograma difícil, mas se nosso lançamento de emparelhamento BLE funcionar conforme planejado, você pode esperar que o suporte do medidor de potência / cadência seja um dispositivo de gravação que consideraríamos oferecer suporte no futuro.” por fim comentou.

strava
Divulgação Strava
Veja o comunicado oficial do Strava:

Graças aos comentários e aos testes da versão beta realizados pela comunidade Strava, restauramos a função Bluetooth para monitores de frequência cardíaca no aplicativo. Mas também resolvemos outros problemas que faziam com que o aplicativo não funcionasse corretamente.

Dessa maneira todos os atletas agora podem conectar um sensor de frequência cardíaca Bluetooth Low Energy (BLE) diretamente ao celular e monitorar sua frequência cardíaca em tempo real durante um treino. Não é necessário nenhum relógio ou ciclocomputador!

Use esta função para permanecer nas zonas de frequência cardíaca corretas durante suas corridas e pedaladas e analisar os seus esforços depois do treino. Os atletas com uma assinatura Strava também receberão informações valiosas sobre o seu desempenho com métricas de frequência cardíaca como Fitness e Esforço relativo.

Além disso você também pode se interessar:

Clique aqui e veja os descontos que nossos parceiros concede para nossa audiência!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.