Aromeiazero | Andar de bike na infância ajuda na formação das pessoas

Aromeiazero
A live promovida pelo Rodinha Zero, projeto que busca tornar as ruas e espaços públicos em locais seguros para brincar e aprender, em todas as idades

Em entrevista para a revista Crescer, a pediatra Renata Waksman afirmou que aprender a andar de bike durante a infância “estimula a atenção, a disciplina, a concentração e ainda fomenta fazer novas amizades”.

O ano de 2020 foi surpreendentemente marcado pela pandemia do Coronavírus. Mas é por isso, que é preciso refletir sobre quais serão as perspectivas para 2021 sobre o acesso das crianças à cidade, à educação e ao lazer. Dessa maneira para ajudar nesse debate, o Instituto Aromeiazero transmitirá uma LIVE no dia 10 de dezembro às 10h. Desse modo com o tema Infância, Escola e Cidades: Os Desafios para 2021.

Com a participação de Ursula Troncoso (Arquiteta, Urbansta e Consultora da Fundação Bernard van Leer); Manu Saudades (Pedagoga, mãe e cicloativista); Kamila Gomes Fonseca (Pedagoga e Assistente de Direção da Emei Professora Edalzir) e mediação do Cadu Ronca (Diretor de Projetos do Aro). A LIVE acontecerá ao vivo no Youtube e Facebook do Aro.

O papo será promovido pelo projeto Rodinha Zero, criado pelo Instituto Aromeiazero. Assim o intuito é incentivar a bicicleta como ferramenta de desenvolvimento integral para crianças de 4 a 11 anos, fomentando o seu uso por meio de atividades dentro e fora da escola.

Desde 2016, a iniciativa já ajudou mais de 4.200 crianças a pedalar sem rodinhas com projetos realizados em escolas municipais públicas, espaços como praças, ruas e SESCs. Dessa forma encorajando uma nova e consciente geração de ciclistas.

Durante a LIVE, falaremos sobre um novo projeto para formação online de multiplicadores para todo o Brasil. Não perca!

Sobre o Aro

O Instituto Aromeiazero é uma organização sem fins lucrativos. Que entretanto utiliza a bicicleta para reduzir as desigualdades sociais e contribuir para tornar as cidades mais resilientes. Os projetos contam com patrocínio de empresas e pessoas físicas, além de leis de incentivo, sendo grande parte das ações em periferias e comunidades vulneráveis. Desde 2011, as iniciativas do Aro promovem uma visão integral da bicicleta, potencializando expressões culturais e artísticas, geração de renda e hábitos de vida saudáveis.

Além disso você também pode se interessar:

Clique aqui e veja os descontos que nossos parceiros concede para nossa audiência!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.