Sense Factory Racing fecha CIMTB 2021 com três camisas de campeão

Além da vitória na classificação geral de Giugiu Morgen na Júnior, equipe oficial da Sense Bike ainda venceu o título do E-XCO com Rubinho Valeriano e Glaidiany de Cássia

A Sense Factory Racing está terminando 2021 com três ótimos motivos para comemorar. Isso porque, na temporada, o time oficial da Sense Bike conquistou excelentes resultados em diversas provas, com um destaque especial ficando para a conquista de três camisas amarelas da Copa Internacional Michelin de MTB, uma das competições mais importantes da América Latina.

A última etapa da CIMTB aconteceu no fim de semana passado, entre os dias 3 a 5 de dezembro, na cidade de Taubaté, em São Paulo. A competição teve ainda sua primeira etapa em Congonhas, Minas Gerais, no início de setembro, com a segunda etapa sendo realizada em Araxá, no início de outubro.

Giugiu campeã na Júnior

Em mais uma temporada simplesmente brilhante, Giugiu Morgen dominou as três etapas da Copa Internacional de MTB 2021, saindo com a vitória isolada na classificação geral. Ao longo do ano, a atleta apresentou um excelente rendimento, obtendo resultados expressivos dentro e fora do Brasil, inclusive com ótimas apresentações na Europa, em provas de Copa do Mundo da UCI.

“Última do ano! P1 na Júnior, performance crescente na pista. Muitas retomadas, saltos e muito calor. Tive algumas pedras no caminho esse ano que serviram de muito aprendizado e agradeço por ter pessoas que acreditaram em mim e ficaram ao meu lado nos altos e baixos! Fica aqui meu muito obrigada à todos”, então comentou Giugiu, depois da competição.

Dentre outros resultados, além de mais uma camisa amarela de campeã na Copa Internacional de MTB, Giugiu ainda foi bronze nos Jogos Pan-Americanos Juniores 2021, Tetracampeã Brasileira de MTB XCO, Campeã Brasileira de Ciclismo de Estrada e Vice-Campeã no Contrarrelógio.

Na próxima temporada, Giugiu sobe para a Sub-23, categoria onde ela deve enfrentar as atletas mais fortes do Brasil nas disputas da Super Elite. Com certeza, será mais um importante passo na carreira da atleta que já é um dos principais destaques do Brasil.

Dobradinha de diversão nas elétricas

Estreando nas competições de E-XCO em 2021, o experiente piloto Rubinho Valeriano fez valer sua habilidade e forma física ao levar a camisa de Campeão das E-Bikes da Copa Internacional de MTB, com duas vitórias de etapa em Congonhas e Araxá, e um terceiro lugar em Taubaté.

“Primeiramente quero agradecer a equipe pelo empenho e pela força, que hoje foi essencial. Tive alguns contratempos com a camiseta e cheguei na largada em cima da hora. Consegui largar bem e a estratégia era manter entre os primeiros”, então comentou.

“Na primeira volta tive um problema, mas consegui me recuperar e vim em busca dos primeiros colocados. Depois tive um outro problema, mas consegui chegar no apoio e arrumar tudo. Depois tive outro problema, e aí resolvi que aquele não era o dia ”, assim complementou.

“Cada prova é uma prova. Congonhas foi uma maratona e foi muito divertido, Araxá foi muito disputado e aqui tivemos esse contraste, com a importância do apoio da equipe. Graças a Deus cheguei em terceiro lugar e conquistei um título inédito para a equipe e para mim também”, por fim comentou.

No retorno as provas

Além dele, a Sense Factory Racing ainda saiu com a vitória na classificação geral entre as mulheres com Glaidiany de Cássia, coordenadora da equipe e atleta nas horas vagas. Com grande experiência nas pistas, Glaidiany começou a pedalar de e-bike apenas em 2021, e aproveitou a nova bike para voltar a treinar e competir de maneira sistemática.

“comecei a pedalar de elétrica este ano e resolvi participar em Congonhas, e foi muito divertido. Também voltei a treinar, mas de uma maneira bem diferente, sem muita cobrança e muito mais para a diversão. Aí, aliei este treino com a elétrica e voltei para as pistas”, então explicou Glaidiany.

“Apesar de não ter muita técnica, gosto muito do estilo de prova do XCO. Assim, uni a bike elétrica com o XCO e foi diversão garantida. Como participei das três etapas, a consistência me deu o título”, assim complementou.

“No fim fiquei muito feliz em poder competir novamente, feliz por me divertir e feliz por levar a vitória. Afinal, este foi meu primeiro título na Copa Internacional”, finalizou.

Além das vitórias de Rubinho e Glaidiany, a Sense Factory Racing ainda contou com terceiro lugar na classificação geral do E-XCO de Diego Knob. Oriundo das modalidades de gravidade e em seu primeiro ano levando as provas de endurance mais a sério. Assim Knob ficou em segundo lugar na etapa de Taubaté, em Terceiro em Congonhas e em segundo lugar em Araxá – um desempenho realmente surpreendente.

Fotos divulgação Sense Factory Racing/Felipe Almeida

Aviso: Se você é o detentor dos direitos autorais das imagens utilizada nessa matéria, entre em contato para que possamos dar os devidos créditos ou retirar, caso assim seja necessário.

Além disso você também pode se interessar:

Clique aqui e veja os descontos que nossos parceiros concede para nossa audiência!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.