Lauro Chaman volta a se destacar no Mundial de Pista

lauro chaman
Após o contra-relógio, Lauro Chaman vai bem na Partida Lançada e está no top 3 da Omnium C5.

Segundo dia de provas do Mundial de Ciclismo de Pista Paralímpico e Lauro Chaman, classe C5 segue sendo o principal nome brasileiro na competição.

A Omnium paralímpica é a reunião de 4 diferentes disputas, cada uma tem a sua premiação própria e soma de todas também garante uma medalha. Na quinta-feira dia 30, Lauro Chaman disputou o contra-relógio e terminou na 11ª colocação.

Agora a disputa foi na Partida Lançada de 200 metros e Lauro Chaman terminou na 5º colocação, com o tempo final de 11.405 s e média de 63.130 km/h.

Com duas das quatro disputas da Omnium realizadas, o brasileiro está em terceiro lugar na colocação geral da Omnium C5, somando 62 pontos, 30 do contra-relógio e mais 32 da Partida Lançada.

Assim ainda restam a perseguição e scratch, que é uma corrida tradicional. Contudo vale lembrar que a especialidade de Chaman é o ciclismo de estrada. Além de Chaman, o Brasil foi representado em outras provas neste segundo dia de Mundial Paralímpico de Ciclismo de Pista.

Nos 3km da perseguição individual feminina, Classe B, para cegos, Márcia Fanhani terminou a qualificação na nona posição, ficando de fora da disputa final.

No 1km do contra-relógio , Classe C1, Carlos Alberto Soares foi o 12º colocado. Na Classe C2, Victor Herling terminou na 14ª posição.

Nos 200m da Partida Lançada, assim como Chaman disputou, porém na categoria na C5, Luis Carlos Steffens, na Classe C4, foi o 11º.

Nesse sentido veja os resultados da competição no site

Além disso você também pode se interessar:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.