Mathieu Van der Poel muda para o “modo” ciclismo de estrada

mathieu van der poel
A estrela multifacetada muda do ciclocross para estrada esta semana antes dos clássicos da primavera

Mathieu van der Poel após conquistar outra camisa arco-íris à sua crescente coleção, inesperadamente foi direto para os Alpes suíços.

Mas não foi para treinamento em altitude. Assim foi um pouco de folga nas férias de esqui. Para um ciclista que é bom em quase tudo, ele também é um esquiador bem-sucedido. Enquanto a maioria das equipes desaprova se arriscar nas pista de esqui, principalmente em ano de jogos olímpicos, a equipe de Mathieu van der Poel, ao menos na redes sociais curtiu a postagem do ciclista esquiador.

A posição da equipe

“No mountain bike, Mathieu assume riscos de uma ordem completamente diferente”, disse o gerente da equipe Alpecin-Fenix, Christoph Roodhooft, ao Het Laatste Nieuws. “Ele é sábio o suficiente para saber o que pode e o que não pode fazer e, além disso, pode esquiar muito bem. Assim como todo mundo que trabalha duro, ele merece umas folgas de vez em quando. ”

Sempre profissional, ele reservou um hotel a 1.800m. Um pouco de altitude beneficia mesmo quando o esqui não prejudica o calendário de primavera.

Depois de mais uma temporada de ciclocross de grande sucesso, coroada pelo terceiro título mundial em Dübendorf no início deste mês, van der Poel deve retornar às corridas de estrada nesta semana.

Assim o piloto da Alpecin-Fenix ​​corre na estrada no Volta ao Algarve a partir de quarta-feira pela primeira vez desde o clássico da DH Famenne Ardenne em outubro, onde venceu o sprint atrás de pilotos independentes.

Com os Jogos Olímpicos e o mountain bike permanecendo um foco central para Van der Poel neste ano, inegavelmente seus compromissos no ciclismo de estrada são relativamente curtos. Contudo as provas que ele selecionou são para muitos, as mais importantes do calendário World Tour no que se refere a provas que acontecem em um único dia, veja abaixo.

Assim veja agenda de primavera de Van der Poel para 2020
  • Volta ao Algarve (19 a 23 de fevereiro)
  • Omloop Het Nieuwsblad (29 de fevereiro)
  • Strade Bianche (7 de março)
  • Milano-Sanremo (21 de março)
  • Volta Ciclista a Catalunya (23-29 de março)
  • Dwars door Vlaanderen (1 de abril)
  • Ronde van Vlaanderen (5 de abril)
  • Paris-Roubaix (12 de abril)
  • Brabantse Pijl (15 de abril)
  • Amstel Gold Race (19 de abril)
  • Flèche Wallonne (22 de abril)
Além disso você também pode se interessar:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.