Os favoritos para o XCO na Olimpíada de Tóquio no feminino e masculino

XCO em Tóquio

Os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 começam na próxima sexta-feira, dia de 23 de julho de 2021, então um ano depois do previsto incialmente devido a pandemia do Coronavirus que mudou o mundo.

A prova de XCO em Tóquio tem tudo para uma disputa atípica. Isso porque o circuito de Izu é um certo mistério, por exemplo o evento teste foi realizado há mais de um ano e realizado por ciclistas que mudaram de forma física e outros que chegam fortes ao Japão estiveram ausentes. Um outro fator importante é a meteorologia, com uma presença mais do que provável de chuva no dia, mesmo durante a prova. Assim isso pode mudar tudo mesmo durante a prova.

No feminino

Loana lecomte, classificação UCI: 1º, nacionalidade: França, 22 anos.

O jovem francesa é a atual líder do ranking da UCI. Seus resultados nesta temporada da copa do mundo impressionam e mostram sua excelente fase. Loana só levanta algumas dúvidas devido à sua idade e a pouca experiência, já que é sua primeira participação nos jogos olímpicos e que sempre supõe uma nova variável.

Pauline Ferrand-Prévot, classificação UCI: 2º, nacionalidade: França, 29 anos

A França tem, a melhor equipe possível em comparação com o resto dos outros países. A atual campeã mundial de XCO não começou a temporada em uma grande forma, contudo como característica dela, veio então aprimorando sua forma para o que ela mesmo já disse ser o grande objetivo da temporada.

O fato é que chega em boa forma, depois de uma boa preparação, com toda a atenção a Tóquio durante semanas. Então como atual campeão do mundo, com uma maturidade ciclista muito importante e com a experiência de saber o que é competir e ganhar no nível máximo.

XCO em Tóquio
Anne Terpstra, classificação UCI: 3º, nacionalidade: Holanda, 30 anos

A terceira no ranking da UCI parece ter superado sua grave lesão no tornozelo de 2018. Esta bem no momento, contudo fez oitavo lugar no campeonato mundial e está entre a sexta e a nona posição nas edições da copa do mundo deste ano. Isso significa que se a corrida não for muito dura nas primeiras voltas, tem chances de subir ao pódio.

Yolanda Neff, classificação UCI: 15º, nacionalidade: Suíça, 28 anos

Yolanda Neff, a suíça é uma tremenda ciclista com um desempenho excepcional nos últimos anos, já foi campeã do mundo e da copa do mundo. Uma lesão interrompeu toda a preparação para esta temporada, então Neff considerou se concentrar em Tóquio.

Jenny Rissveds, classificação UCI: 25º, nacionalidade: Suécia, 27 anos

A sueca Jenny Rissveds é a atual campeã olímpica, não era a favorita no Rio 2016. Ficou alguns anos fora de competições por motivos pessoais, mas não parada. Subiu ao pódio algumas vezes nesta temporada, assim mostrando sua força. Deve correr sem grandes pressões.

Kate Courtney, classificação UCI: 27º, nacionalidade: Estados unidos, 26 anos

Kate Courtney, depois de vencer o campeonato mundial há dois anos, em 2020 as coisas não correram como o esperado. Mesmo assim, Courtney é uma ciclista que amadureceu muito nos últimos anos e chega justamente com aquela fome de vingança em Tóquio.

No masculino

Mathias Flückiger, classificação UCI: 1º, nacionalidade suíça, 33 anos

Mathias Flückiger está vindo com força. Ele está sendo a sensação na Copa do Mundo e atualmente lidera a classificação da UCI. Talvez em seu melhor momento na carreira, o suíço parece a alternativa ao seu compatriota Schürter este ano. Ele chegará ao teste de Tóquio com os dois últimos eventos da Copa do Mundo ganhos, Leogang e Les Gets. Talvez ele não tenha planejado um pico de forma para Tóquio, mas seus objetivos foram mais claramente marcados na Copa do Mundo. Mas ele é um piloto muito forte, bastante técnico e experiênte.

Nino Schürter, classificação UCI: 2º, nacionalidade suíça, 35 anos

Nino Schürter chega sem pressão. Já ganhou medalhas em jogos olímpicos, tem uma prata, um ouro e um bronze. É o atual campeão olímpico. Chega no que muitos consideram ser seu declínio, sua tendência de queda e as dúvidas pairam sobre ele. Mas quem viu tudo o que Nino ganhou e como o ganhou, não deve desconfiar que tem chances. Ainda mais quando colocou Tóquio na agenda como uma forma de pico. Sua experiência nesse tipo de batalha é outro argumento que trabalha a seu favor.

XCO em Tóquio
Jordan sarrou, classificação UCI: 3º, nacionalidade: França, 29 anos

O atual campeão do mundo, assim merece todo respeito e consideração. Obviamente, estamos diante de um teste diferente, mas Sarrou tem um argumento muito importante, depois de conquistar a camisa arco-íris, sua pressão diminui de várias maneiras. Se analisarmos seu desempenho parece que ele estava treinando para Tóquio.

Henrique avancini, classificação UCI: 10º, nacionalidade: brasil, 32 anos

Depois de um início de temporada classificado por ele mesmo, como abaixo do que gostaria. Não participou das ultimas duas etapas da copa do mundo para então se dedicar na melhor preparação para seu maior desafio da temporada.

Henrique chega com uma grande dúvida, por não termos comparativo com outros atletas nesta fase final antes dos jogos de Tóquio. Contudo vale lembrar que fez o mesmo em 2020, quando conquistou seus melhores resultados na copa do mundo de XCO. O resultado desta preparação ainda está por vir, mas Avancini é sem dúvida um ciclista muito experiente e capaz.

Thomas Pidcock, classificação UCI: 15º, nacionalidade: Reino Unido, 22 anos

Faz parte desse novo elenco de ciclistas totais que correm de tudo, em todas as modalidades, e também são capazes de vencer. Pidcock ganhou a uma etapa da copa do mundo, mas recentemente teve um acidente que bota uma grande interrogação em seu desempenho. Se ele encontrar sua boa forma de correr, é um oponente muito forte.

Mathieu Van der Poel, classificação UCI: 66º, nacionalidade: Holanda, 26 anos

Van der Poel é um dos favoritos e anda forte em todas as modalidades. Correu o Tour de France 2021, venceu etapa e liderou a classificação geral. Entretanto deixou Tour como planejado, para ir para Tóquio. Uma vez na liderança na última volta, tem chances enormes, pois seus ataques são impressionantes.

Foto divulgação

Aviso: Se você é o detentor dos direitos autorais das imagens utilizada nessa matéria, entre em contato para que possamos dar os devidos créditos ou retirar, caso assim seja necessário.

Além disso você também pode se interessar:

Clique aqui e veja os descontos que nossos parceiros concede para nossa audiência!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.