Rubinho e Knob fazem dobradinha, Giugiu vence na CIMTB em Araxá

Nas elétricas, Rubinho Valeriano e Diego Knob ocuparam os dois lugares mais altos do pódio. No XCO da Júnior, Giugiu foi a vencedora

No primeiro final de semana de outubro, o Tauá Grande Hotel em Araxá, Minas Gerais, foi palco da segunda etapa da CIMTB. Em um dos finais de semana mais importantes do calendário nacional do MTB, a Sense Factory Racing, equipe oficial da Sense Bike, encerrou mais uma bela participação.

Na disputa das elétricas, no sábado, dia 2, a equipe conquistou uma dobradinha espetacular, com o experiente piloto Rubens Donizete Valeriano sagrando-se campeão, com sua full-suspension Sense Impulse E-trail. Mas também Diego Knob ficando com o segundo lugar, supreendentemente usando a hardtail Sense Impact E-trail.

Além disso, a equipe oficial da Sense Bike, mais uma vez, subiu no lugar mais alto do pódio na júnior feminina, com mais uma espetacular vitória de Giugiu Morgen. 

Rubinho Valeriano é campeão nas e-bikes na CIMTB

Correndo sua primeira temporada com uma bicicleta elétrica, o experiente piloto Rubinho Valeriano, que tem nada menos do que três participações olímpicas, parece estar se divertindo como nunca com esta nova “fase” em sua carreira.

O ciclista, que já se sente totalmente em casa na modalidade, conquistou mais uma vitória neste fim de semana, sendo o mais rápido do pelotão na disputa das E-Bikes da CIMTB. Há algumas semanas, em sua primeira competição de elétricas, o atleta venceu na CIMTB em Congonhas, e por isso hoje correu com a camisa amarela de líder na classificação geral. 

“Foi uma prova bem dura e difícil, o circuito novo está maravilhoso e a bike foi impecável em todas as voltas. Gostei demais da calibragem que fizemos na suspensão e nos pneus. Também ajustamos o motor e ganhamos muito torque”, então comentou.

“Falando um pouco da prova: na largada não consegui encaixar o pé, já que ainda não me adaptei em largar com o banco baixo. Quando consegui clipar, o pelotão já tinha ido embora. Mas, sabendo que a prova teria cinco voltas, mantive a calma”, assim explicou Rubinho.

“Na segunda volta consegui chegar nos líderes e vi que o Knob estava disputando a frente. Vi que estava numa tocada mais forte e cheguei passando. Coloquei um ritmo forte na subida do apoio e percebi que estava conseguindo abrir nas partes técnicas. Aí, aproveitei isso para poder dar uma descansada nas subidas. Na última volta fiz mais força e consegui manter a liderança até o fim”, então acrescentou o piloto.

“Quero agradecer demais a equipe e todos os patrocinadores pela força, pelo apoio e pela torcida”, por fim afirmou Rubinho, comemorando ainda o segundo lugar de Diego Knob, seu companheiro na Sense Factory Racing.

Knob é vice nas e-bikes e faz estreia na Elite do XCO

Diego Knob, lenda brasileira das modalidades de gravidade e um dos construtores de trilhas mais importantes do Brasil, realmente encontrou uma nova paixão nas corridas de E-MTB. Correndo em Araxá de Hardtail contra os melhores ciclistas do país, o piloto da Sense Factory Racing foi vice-campeão na modalidade, perdendo apenas para o Rubinho Valeriano, outra lenda do esporte. 

“A prova foi excelente! Muitos competidores de nível altíssimo. Atletas migrando do enduro, do downhill e do XCO, para fazer uma competição equilibradíssima. Estou muito feliz com nossa performance. Não só com minha performance pessoal, mas com a performance da equipe, principalmente”, assim afirmou Knob depois da prova. 

“Hoje foi dia de dobradinha da Sense, com a Impulse E-Trail e Impact E-Trail. Mandamos muito bem, as bikes se comportaram muito bem no circuito e a gente mostrou pra galera que estamos no topo, que as bikes são capazes e estamos muito bem preparados”, por fim complementou.   

Estreia na elite do XCO com direito a Top-20

Além do desempenho impecável na prova de E-Bikes, Diego Knob encarou um novo desafio em sua extensa e variada carreira: pela primeira vez, o atleta alinhou com a elite brasileira do XCO, obtendo um fantástico décimo oitavo lugar, entre cerca de 70 competidores. O vencedor na Super Elite foi Henrique Avancini.

“Não sei nem o que falar”, então comentou um emocionado e exausto Knob depois da prova. 

“Eu nem ia largar, foi uma superação danada. Ontem cheguei acima do meu limite e até passei mal depois da prova. Larguei mais para participar desta festa incrível, com mais de 70 atletas”, assim complementou o piloto.

“Alinhei na última fila, então foi muita poeira, muito trânsito e muita instabilidade nas duas primeiras voltas. Mas, por incrível que pareça, eu fui entendendo e percebendo que todo mundo estava em um ritmo pesado”, então observou Knob. 

O piloto, oriundo do downhill, ainda explicou que, para ele, o segredo foi seguir sua intuição e as orientações de seu treinador, especialmente por conta do forte calor. Além disso, a fluidez na pilotagem e os ajustes em sua Sense Impact Carbon também foram fundamentais.  

“Não tenho nem o que falar. A estrutura estava bacana demais. Só queria agradecer essa oportunidade, já que vim do downhill e agora estou experimentando todas as vertentes do MTB, justamente para pegar uma bagagem e entender o esporte por completo, sempre me divertindo acima de tudo”, por fim comentou Knob.

Giugiu domina XCO na júnior e faz top-4 na geral da CIMTB

Giugiu Morgen, uma das maiores revelações do MTB nacional dos últimos anos, mais uma vez dominou suas adversárias diretas na prova de XCO da etapa de Araxá da CIMTB.

Para as mulheres, a organização preparou uma largada única, com a presença das ciclistas das categorias Sub-15 até a Super Elite. Neste cenário, por ser da Júnior, Giugiu largou na rabeira do pelotão, e por isso teve que brigar com unhas e dentes para ganhar posições durante a prova. Além disso, ela deu uma volta a menos do que as atletas da elite, que teve Isabella Lacerda como vencedora.

“Fiz uma boa prova aqui em Araxá, que é um grande clássico do mountain biking brasileiro. Como sempre, a Sense deu uma festa aqui pra gente, e eu gosto muito de correr aqui, e o percurso está muito divertido este ano, com muitos saltos”, então comentou a atleta. 

“Eu larguei na quinta fileira, atrás da elite, então foi meio difícil chegar lá na frente e até tomei algumas cotoveladas, e por isso tive que me posicionar também. Fui passando o pessoal dentro da trilha até chegar na sexta colocação. Depois disso senti um pouco e mantive meu ritmo pelo resto da prova”, assim afirmou Giugiu. 

A atleta ainda explicou que, mesmo com as chuvas que caíram há alguns dias, o calor intenso e a poeira dificultaram bastante. 

“Mesmo assim, a experiência foi muito legal. Agora é hora de manter o foco, já que temos mais algumas provas neste fim de ano”. Por fim comentou Giugiu, que lidera a classificação geral da CIMTB em sua categoria.

Fotos divulgação Sense Factory Racing/Felipe Almeida/Cesar Delong

Aviso: Se você é o detentor dos direitos autorais das imagens utilizada nessa matéria, entre em contato para que possamos dar os devidos créditos ou retirar, caso assim seja necessário.

Além disso você também pode se interessar:

Clique aqui e veja os descontos que nossos parceiros concede para nossa audiência!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.