Diverge Gravel Race Brasil Ride tem terceira edição em Botucatu

Brasil Ride

Prova acontece neste sábado (4), com largadas e chegadas no charmoso Celeiro Restaurante

Principal competição da modalidade gravel no País, a Santander Diverge Gravel Race Brasil Ride tem sua terceira edição neste fim de semana . Durante todo o sábado (4), os ciclistas se desafiarão nas estradas de terra da região de Botucatu, na belíssima Cuesta Paulista. As largadas e chegadas das três distâncias – 60, 120 e 180 km – serão na arena montada no Celeiro Restaurante. Novidade que marca a temporada é a presença da categoria de bicicletas e-gravel, aumentando o apelo deste mercado em expansão.

“A bike de gravel permite que os ciclistas completem distâncias muito longas, como ocorre na road, mas em terrenos que a bicicleta de estrada não vai. Assim, é possível ter grandes percursos, de mais de 100 km, porque a bike supera terrenos arenosos, de cascalho, pedras, e por isso nesta edição estamos com três distâncias distintas. A mais curta, em um circuito de 60 km, para quem está iniciando e tem um bom nicho. Quem é ciclista antigo, e quer fazer distância maiores, temos dois estímulos, de 120 e 180 km. Quem optar pelos percursos maiores, completará duas ou três voltas, respectivamente”, então avalia Mario Roma, fundador da Santander Brasil Ride.

Kits da prova

A retirada de kit da prova tem início na sexta-feira (3), no próprio Celeiro Restaurante (Rod. Gastão Dal Farra, Km 4 – Demétria), entre 17h e 19h. Na manhã do sábado também é possível retirar o kit, das 6h às 6h30 para os participantes dos 120 e 180 km, e das 10h às 10h30 para os ciclistas inscritos nos 60 km. A primeira largada do dia será às 7h, para os 180 km. Logo em seguida, às 8h, será a vez dos 120 km. Por fim, às 11h, é a vez dos 60 km.

Os pontos de hidratação – A prova contará com dois pontos de hidratação: um no km 23,5 do circuito e outro já na arena. Assim, quem competir os 120 km, por exemplo, poderá se hidratar nos km 23,5, 60, 83,5 e 120. Já os inscritos nos 180 km terão opção de hidratarem-se nestes mesmos km, e nos km 143,5 e 180 da prova.

As edições anteriores

A Santander Diverge Gravel Race Brasil Ride foi disputada pela primeira vez em abril de 2019, no Celeiro Restaurante. O título na geral ficou com João Paulo Firmino, que cruzou a linha de chegada no Celeiro Restaurante em 1h58min14seg, após percorrer os 65 km. Já a mulher mais rápida foi Victoria de Sá, em 2h29min43seg.

A segunda edição da prova, em novembro daquele ano, também foi um sucesso. Em clima de encontro com amigos, o evento reuniu no Celeiro Restaurante ciclistas de todo País, que encararam percursos com lindos visuais em duas distâncias: a dos 90 km ,em sua estreia no evento, e o percurso de 65 km. Douglas Santiago completou os 90 km de percurso em 3h02min50seg e foi o campeão entre os homens. Já a mulher mais rápida foi novamente Victoria de Sá, com o tempo de 3h50min30seg.

Celeiro Restaurante

A organização da Brasil Ride não poderia escolher lugar melhor do que o Celeiro Restaurante (Rod. Gastão Dal Farra, Km 4, s/n – Demétria), em Botucatu, para a realização da Santander Diverge Gravel Race Brasil Ride. O local conta com a estrutura necessária para que familiares e amigos dos atletas divirtam-se, enquanto os ciclistas pedalam nas trilhas e estradas da região. Um dia único não só para os participantes, como também para os familiares e amigos.

Assim mais informações no site.

Foto divulgação Brasil Ride/Ricardo Vilela/Ney Evangelista

Aviso: Se você é o detentor dos direitos autorais das imagens utilizada nessa matéria, entre em contato para que possamos dar os devidos créditos ou retirar, caso assim seja necessário.

Além disso você também pode se interessar:

Clique aqui e veja os descontos que nossos parceiros concede para nossa audiência!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.