O Começo no Triathlon – Parte 4 – Dicas valiosas para a Transição

Triathlon
T1 – T2???

A Quarta Disciplina do Triathlon é a Transição (T1 e T2), chamamos de transição o local onde deixamos nossos equipamentos, trocamos de roupa e passamos da natação para o pedal e em seguida para corrida.

T1: Natação para Bicicleta

O local e distâncias entre a saída da água e onde ficam as bicicletas podem variar de acordo com a prova, mas será sempre a mesma rotina. Algumas provas permitem que você deixe seu kit junto da bike e em outras você vai passar por um local onde seu kit vai estar ensacado e pendurado, organizado em ordem numérica, por isso a importância de conhecer bem o local de transição.

Prepare seu capacete, óculos de sol e sapatilhas (e tudo mais que você for usar) para que você possa acessá-los o mais rápido possível. Assim pense em qual lado você vai chegar na sua bicicleta e em qual direção você sairá. Se você usa aerobar, tente deixar o capacete de cabeça para baixo nas barras com óculos de sol abertos dentro do capacete. Contudo crie uma rotina confortável.

Use elásticos para prender a parte traseira da sapatilha na estrutura da bicicleta. A sapatilha permanecerá na horizontal até você montar na bike. Quando você começa a pedalar, os elásticos se rompem e não causam problemas. Evite andar com sapatilhas para não danificar os tacos e escorregar.

Nos últimos 100m da natação, aumente o ritmo de pernadas para irrigar a musculatura e ficar pronto para levantar-se da água e correr até a bike, isso também evitará que você sinta tonturas quando ficar em pé.

Nade o máximo que puder até tocar a mão no fundo, depois de levantar-se e ainda estiver com água pela cintura, mergulhe como golfinhos ou corra até a praia. Dessa maneira mantenha-se atento ao que foi mentalizado e inicie a retirada da roupa de natação (se for o caso). A roupa de borracha deve estar na sua cintura quando você chegar a T1.

Depois de chegar à linha de montagem, observe o local antes de subir na bike, essa área é geralmente congestionada e, muitas vezes, você tem a oportunidade de passar por várias pessoas correndo um pouco mais até o espaço livre a frente, onde você pode montar com facilidade.

T2: Bicicleta para a Corrida

Comece a se preparar mentalmente e lembre-se para onde deve ir:

Você terá que levar sua bike até o cavalete sozinho?
Você pode entregá-la a um dos voluntários?

Retire as sapatilhas, contudo sempre olhando para frente e nunca para baixo (não seja um dos caras que causam acidentes ao tentar tira-las). Pedale os últimos metros com os pés descalços sobre as sapatilhas.

Desmonte antes da linha e corra para o ponto de transição. Somente retire o capacete depois de entregar a bike ao voluntário ou deixar a bike presa ao cavalete. Calce o tênis, pegue seus géis, cinto com número, boné ou viseira. Cada segundo deve igualmente ser planejado. Você praticou, certo?

Faça o caminho mais rápido para sair da T2 e siga para a corrida. Agora você deve ter tempo para virar o número para a frente e colocar as coisas nos bolsos do seu kit de corrida.

Nesse sentido dicas gerais:

Conheça a área de transição como a palma da sua mão, percorra o caminho antes da prova, desde a saída da natação até o local onde está a bike e tenha um ponto de referência.

Faça o caminho mais rápido da bicicleta para a linha de montagem, da linha de desmontagem para onde será a transição para a corrida. Sobretudo caminhe algumas vezes para memorizar o caminho, isso será útil na manhã da prova, quando tudo vai ser rápido, agitado e confuso.

Se você tiver a oportunidade de assistir a um Triathlon, fique perto da área de transição e observe e análise algumas pessoas, certamente você encontrará exemplos do que fazer e igualmente do que não fazer.

Assim treine as transições, faça simulações em seus treinos, não deixe para aprender e testar no dia da prova.

Saiba como retirar a roupa de borracha, calçar as sapatilhas enquanto pedala e também fazer o mesmo ao contrário, rapidamente tirar o capacete e calçar o tênis.

Posteriormente faça a transição em sua mente antes da prova. A visualização será muito útil. Repita isso inegavelmente até que você esteja confiante.

Alguma dúvida sobre Triathlon? Deixe aqui nos comentários e vamos conversando mais sobre.

Grande abraço galera e vamos juntos nessa jornada.

Italo Valu
Treinador de Triathlon ; Graduado em Ed Física; Certificado IronMan ; CBTRI Nível 2; Training Peaks
valubikes@gmail.com
Instagram @VALU_TRI
Valutri.com

Além disso você também pode se interessar:
Medida acertada

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.