Giro d’Italia | Barreira derrubada por helicóptero atinge 2 ciclistas

Giro d'Italia
Luca Wackermann assim foi forçado a se retirar do Giro d’Italia com ferimentos múltiplos após um grande acidente na quarta etapa de terça-feira causado por um helicóptero voando baixo.

A queda da barreia no Giro d’Italia, que surpreendentemente derrubou Wackermann e o holandês Etienne van Empel da equipe Vini Zabu-KTM, aconteceu no final da 4ª etapa, quando uma barreira foi derrubada pelo vento do helicóptero e atingiu os dois pilotos.

Assim sua equipe já confirmou que Wackermann abandonou a corrida depois de sofrer um ferimento na cabeça, uma fratura nos ossos nasais, múltiplas contusões no rosto e na coluna e lacerações na sobrancelha esquerda, queixo e joelho direito.

Dessa maneira ele também teve vários hematomas nos braços e pernas e suspeita de fratura nas costas.

“Estou bem. Apenas alguns pequenos cortes em meus dedos. Não tenho certeza do que aconteceu, mas do nada as barreiras voaram para o nosso grupo. Por enquanto, meus pensamentos estão com meu companheiro de equipe Luca e espero que boas notícias cheguem em breve. ” Por fim comentou Van Empel.

Além disso você também pode se interessar:

Clique aqui e veja os descontos que nossos parceiros concede para nossa audiência!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.