O começo no Triathlon – 1ª parte – Tudo começa na água

Triathlon
Tudo começa na água

Fala galera do Triathlon seguimos aqui em meio a toda essa confusão do COVID-19, mas a vida vai continuar e temos de nos adaptar a essa nova realidade e seguiremos em frente falando e vivendo o Triathlon.
Algumas semanas atrás iniciar no Triathlon bastava ir para a Praia ou Piscina e Nadar, pra Rua Pedalar e Correr, mas hoje tudo mudou. Porém o início continua sendo o mesmo, com muitas dúvidas, incertezas do que fazer, por onde começar e até o que comprar, mas esse último vamos falar bem adiante.

Assim nas próximas postagens vamos enumerar alguns pontos básicos sobre cada disciplina para termos uma direção.

Vamos começar falando da natação

A Natação em minha opinião é a mais perigosa, arriscada e complexa para se iniciar depois de adulto. Ao contrário da Corrida e Ciclismo, caso você pare de nadar vai afundar e o resto vocês sabem o que é. A natação deveria ser o primeiro esporte de todos por uma questão de sobrevivência.
Dentro do Triathlon é na natação que acontecem o maior número de mortes, pois requer uma maior coordenação de movimentos, e é a primeira disciplina que logo na largada com todo o pico de adrenalina somado a confusão da entrada na água gera pânico em muitos, exigindo não somente fisicamente, mas psicologicamente ao máximo do atleta.

Hoje com as piscinas fechadas e as restrições das praias, vai ser muito complicado iniciar no esporte, mas depois da quarentena você deve buscar um GRUPO OU CLUBE DE NATAÇÃO. Dessa maneira não inicie sozinho pela sua própria segurança.

Aprender a nadar é muito mais do que simplesmente girar os braços dentro d’água e atravessar uma piscina ou chegar na primeira boia a 200m da praia. Saber nadar contudo é sentir-se seguro dentro d’água; Entenda como segurança a capacidade de nadar e ter certeza que consegue entrar e sair do mar após nadar 1/3 a mais da distância determinada para a sua prova.
Em muitos eventos o mar não vai estar liso como uma piscina, as boias podem ser movidas pela corrente do mar e você vai nadar mais, já fiz provas em que a distância oficial eram 3800m, mas nadei 4200m.
Seja prudente e você vai longe.

No próximo texto falaremos sobre o ciclismo dentro do Triathlon.
Deixe suas dúvidas e vamos conversando mais sobre.

Grande abraço galera e vamos juntos nessa jornada.

Italo Valu
Treinador de Triathlon ; Graduado em Ed Física
Certificado IronMan ; CBTRI Nível 2; Training Peaks
valubikes@gmail.com
Instagram @VALU_TRI

Além disso você também pode se interessar:
Medida acertada

2 comentários em “O começo no Triathlon – 1ª parte – Tudo começa na água”

  1. Ótima matéria Italo, acho a Natação tão importante que deveria fazer parte da vida da criança como uma disciplina escolar! Além dos benefícios fisiológicos já conhecidos e segurança, a natação em muitos casos pode decidir se vc vai conseguir um emprego ou não! Bora nadar pessoal!!!!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.